quarta-feira, março 11, 2009

Vida de Solteiro

Na verdade, era pra ser “vida de marido cuja mulher está viajando e ele ficou sozinho em casa pra cuidar de tudo”, mas achei que ia ficar grande demais pra ser um bom título.

Fato é que estou sozinho em casa. É que nem criança: tá tudo desarrumado, durmo tarde assistindo TV, não lavo a louça, não escovo os dentes, não arrumo a cama e só como besteira.

Segunda-feira, cheguei em casa do trabalho com fome e fui abrir a geladeira pra ver o que tinha pra comer. Achei um delicioso cachorro-quente, esquentei e mandei pra dentro feliz da vida.

Não sei se foi por causa da salsicha – que já devia estar na geladeira há umas duas semanas –, do pão – que tinha uns mofadinhos que eu tirei e comi o resto –, ou se foi alguns dos condimentos – eu sempre desconfio da maionese, ainda mais por que estava nos finalmentes do pote.

Fato é que na madrugada desse dia brinquei de ser flor: passei a noite plantado no vaso.

Quem disse que não é dura a vida de humem sem mulher?

2 comentários:

Anônimo disse...

óóóóhhh ti foufo, e hj que ontem foi só o primeiro dia, ou melhor, primeira noite...

Julieta Abiusi disse...

Cara, fiquei aqui pensando em trocentos trocadilhos pra sua frase final que incluia as palavras vida, dura, homem, mulher. Num dos exemplos, seria duríssssima a vida da mulher huahauha. Tomei "boludol" hoje!